www.sociviews.com - Viral Social Media Content Viewer, Check Profiles, Hashtags, Posts



@brasilparalelooficial Brasil Paralelo 🇧🇷PROCESSO SELETIVO BRASIL PARALELO 👇🏻 CLIQUE NO LINK E CONHEÇA AS VAGAS!
@brasilparalelooficial

Name: Brasil Paralelo
Media: 1,595
Following: 0
Followers: 609.6k

Bio:

🇧🇷PROCESSO SELETIVO BRASIL PARALELO 👇🏻 CLIQUE NO LINK E CONHEÇA AS VAGAS!

Showing Media For User @brasilparalelooficial



  • A verdade sobre o caso Facebook.

    A verdade sobre o caso Facebook.

  • A Brasil Paralelo é uma empresa 100% privada, apartidária, que não recebe 1 centavo de dinheiro público e nunca fez propaganda para políticos. ⠀ Mas talvez eles tenham 225 milhões de motivos para nos chamar de bolsonaristas...

    A Brasil Paralelo é uma empresa 100% privada, apartidária, que não recebe 1 centavo de dinheiro público e nunca fez propaganda para políticos. ⠀ Mas talvez eles tenham 225 milhões de motivos para nos chamar de bolsonaristas...

  • Obrigado a todos os membros-assinantes da Brasil Paralelo.

    Obrigado a todos os membros-assinantes da Brasil Paralelo.

  • PROCESSO SELETIVO DA BP Você sempre quis entrar pro time de produção e fazer os nossos documentários? Essa é a sua chance! Clique no link abaixo ou no link em nossa bio e saiba mais. 👉https://bit.ly/2FSNMbl

    PROCESSO SELETIVO DA BP Você sempre quis entrar pro time de produção e fazer os nossos documentários? Essa é a sua chance! Clique no link abaixo ou no link em nossa bio e saiba mais. 👉https://bit.ly/2FSNMbl

  • Voltamos aqui para compartilhar outro marco na nossa história. O documentário "1964: O Brasil entre armas e livros" ultrapassou a marca de 8 milhões de views no YouTube. É o documentário brasileiro mais assistido no Brasil. E tudo isso sem nenhum centavo do dinheiro público. Comemore! Essa marca é nossa. 🇧🇷

    Voltamos aqui para compartilhar outro marco na nossa história. O documentário "1964: O Brasil entre armas e livros" ultrapassou a marca de 8 milhões de views no YouTube. É o documentário brasileiro mais assistido no Brasil. E tudo isso sem nenhum centavo do dinheiro público. Comemore! Essa marca é nossa. 🇧🇷

  • Saiu hoje nossa entrevista para a Gazeta do Povo, onde divulgamos uma meta audaciosa: chegar a 1 milhão de membros até dezembro de 2022. Confere lá! 😉

    Saiu hoje nossa entrevista para a Gazeta do Povo, onde divulgamos uma meta audaciosa: chegar a 1 milhão de membros até dezembro de 2022. Confere lá! 😉

  • Nosso documentário 7 Denúncias atingiu a marca de 1 milhão de visualizações no YouTube. ⠀ O tema era urgente e o trabalho remoto, mesmo assim, conseguimos entregar em tempo recorde mais de 2 horas de filme (na versão estendida para membros). ⠀ Obrigado a todos que acreditaram em nosso trabalho e se tornaram membros assinantes. Sem vocês, este filme não existiria.

    Nosso documentário 7 Denúncias atingiu a marca de 1 milhão de visualizações no YouTube. ⠀ O tema era urgente e o trabalho remoto, mesmo assim, conseguimos entregar em tempo recorde mais de 2 horas de filme (na versão estendida para membros). ⠀ Obrigado a todos que acreditaram em nosso trabalho e se tornaram membros assinantes. Sem vocês, este filme não existiria.

  • “A melhor solução para o Brasil é dar um pouco de Brasil para os brasileiros” @thomasgiulliano

    “A melhor solução para o Brasil é dar um pouco de Brasil para os brasileiros” @thomasgiulliano

  • Hoje é um dia importante para o nosso país. Mas mais importante que saber que dia é hoje, é entender o seu significado. ⠀ Por que estamos aqui? De onde viemos? Quem são os nossos pais fundadores? ⠀ Essas e outras respostas você encontra em nossa série sobre a história do Brasil, em 7 capítulos, gratuitamente no Youtube.

    Hoje é um dia importante para o nosso país. Mas mais importante que saber que dia é hoje, é entender o seu significado. ⠀ Por que estamos aqui? De onde viemos? Quem são os nossos pais fundadores? ⠀ Essas e outras respostas você encontra em nossa série sobre a história do Brasil, em 7 capítulos, gratuitamente no Youtube.

  • Trecho do 4° episódio da série “Brasil - A Última Cruzada”. (disponível gratuitamente no nosso canal oficial do Youtube)

    Trecho do 4° episódio da série “Brasil - A Última Cruzada”. (disponível gratuitamente no nosso canal oficial do Youtube)

  • Repost:@filipevalerim Essa foto foi tirada no dia 15/03, 4 dias após a declaração oficial da pandemia pela OMS. Alguns meses atrás, tínhamos tomado uma decisão ousada de sair de POA e mudar a empresa inteira para SP. Isso custou caro e nos trouxe desafios que não prevíamos. Nesse momento, estávamos às vésperas de um lançamento no qual a continuidade da BP dependia, literalmente. A obra da nova sala teve que ser interrompida e tinha pó de cimento para todo lado. Fomos os primeiros a trabalhar de máscara, não por causa do vírus, mas pela poeira que ia parar em nossa garganta quando não a usávamos. Em pleno verão, o ar condicionado não funcionava e os computadores de edição ligados faziam a sala parecer um forno. Confesso que o ambiente em torno era assustador. Olhávamos pela janela para a Paulista e o cenário era de um apocalipse zumbi. No momento em que o único assunto era o corona, estávamos alheios ao mundo, não podíamos ficar em casa e estávamos produzindo um documentário sobre a Educação Brasileira. Parecia a receita do fracasso. Pensava em todas as pessoas da equipe que deixaram o conforto da cidade natal para se arriscar nessa megalópole, pensava em minha recém noiva que tinha vindo para me acompanhar e lembro do olhar dos meus sócios de “eu sei o que você está pensando, mas prefiro não falar sobre isso”. Chegamos a fazer uma reunião de emergência para decidir se seguíamos com o plano ou esperávamos a crise passar. Bolamos um plano B e C, ambos bem ruins de enfrentar. Terminamos a conversa com um sarau de frases motivacionais para quebrar o clima de velório. Teve uma que me marcou e virou mantra na época: “na crise, ou você atropela ou ela te engole”. Pra encurtar a história, seguimos o plano até o limite da exaustão e entregamos na mão de Deus. Funcionou. O público confiou em nós e apostou mais uma vez em nossos valores. Hoje, 5 meses depois desse dia, quebramos nosso record de produtividade e atingimos a inacreditável marca de 100 MIL MEMBROS ASSINANTES! Graças a eles, 1 a cada 10 brasileiros já assistiu algum dos nossos filmes. Muito obrigado! Seguiremos mais fortes e confiantes do que nunca. Um milhão de membros será só uma questão de tempo. ❤️🚀

    Repost:@filipevalerim Essa foto foi tirada no dia 15/03, 4 dias após a declaração oficial da pandemia pela OMS. Alguns meses atrás, tínhamos tomado uma decisão ousada de sair de POA e mudar a empresa inteira para SP. Isso custou caro e nos trouxe desafios que não prevíamos. Nesse momento, estávamos às vésperas de um lançamento no qual a continuidade da BP dependia, literalmente. A obra da nova sala teve que ser interrompida e tinha pó de cimento para todo lado. Fomos os primeiros a trabalhar de máscara, não por causa do vírus, mas pela poeira que ia parar em nossa garganta quando não a usávamos. Em pleno verão, o ar condicionado não funcionava e os computadores de edição ligados faziam a sala parecer um forno. Confesso que o ambiente em torno era assustador. Olhávamos pela janela para a Paulista e o cenário era de um apocalipse zumbi. No momento em que o único assunto era o corona, estávamos alheios ao mundo, não podíamos ficar em casa e estávamos produzindo um documentário sobre a Educação Brasileira. Parecia a receita do fracasso. Pensava em todas as pessoas da equipe que deixaram o conforto da cidade natal para se arriscar nessa megalópole, pensava em minha recém noiva que tinha vindo para me acompanhar e lembro do olhar dos meus sócios de “eu sei o que você está pensando, mas prefiro não falar sobre isso”. Chegamos a fazer uma reunião de emergência para decidir se seguíamos com o plano ou esperávamos a crise passar. Bolamos um plano B e C, ambos bem ruins de enfrentar. Terminamos a conversa com um sarau de frases motivacionais para quebrar o clima de velório. Teve uma que me marcou e virou mantra na época: “na crise, ou você atropela ou ela te engole”. Pra encurtar a história, seguimos o plano até o limite da exaustão e entregamos na mão de Deus. Funcionou. O público confiou em nós e apostou mais uma vez em nossos valores. Hoje, 5 meses depois desse dia, quebramos nosso record de produtividade e atingimos a inacreditável marca de 100 MIL MEMBROS ASSINANTES! Graças a eles, 1 a cada 10 brasileiros já assistiu algum dos nossos filmes. Muito obrigado! Seguiremos mais fortes e confiantes do que nunca. Um milhão de membros será só uma questão de tempo. ❤️🚀